Uma investigação sobre felicidade.

Aline Jorge-felicidade-dinheiro1

Dinheiro compra felicidade?

por Fred Di Giacomo “Faça um bom concurso público. Se não fosse meu concurso, eu não tinha ajudado toda nossa família”. O mantra para felicidade do meu avô paterno era repetido entre almoços, cafés e festas de família. Ele – que migrara da Bahia para São Paulo de carona num avião do exército – sempre reforçava a importância do dinheiro e da segurança. Era preciso ganhar dinheiro para garantir a vida – e a vida…

Continue lendo

minimal9

Para viver leve

Por Karin Hueck Faltam oito dias para o fim da temporada berlinense e o clima aqui em casa é de nostalgia/ansiedade/empolgação, com uma lista enorme de afazeres e pequenas montanhas de bagunça espalhadas por todos os cômodos esperando organização. Temos uma única meta para essa última etapa. Voltar com a mesma quantidade de coisas que viemos: duas malas (cada um, porque ninguém é de ferro, néam). Quando nos mudamos do Brasil, resolvemos guardar tudo que…

Continue lendo

Ilustração: Mariana Coan -  http://www.flickr.com/photos/mari_coan/

Viva o presente sem esperar pelo futuro fantástico

por Fred Di Giacomo Mas foque no presente, pensou, nunca deixe a paixão deformar o momento, Charles Bukowski. No quintal, grilos e cigarras cantavam para o céu limpo e estrelado do sertão paulista. No meu quarto escuro, os pensamentos perturbavam mais que que o barulho dos insetos. Eu tinha apenas 7 anos, mas não conseguia dormir porque ficava pensando na morte. Ficava pensando que a vida é uma tragédia de onde ninguém sai vivo. “Qual…

Continue lendo

sonhos4

A felicidade do “não”

por Ale Kalko (A Ale Kalko é uma artista e ilustradora que fez uma série de desenhos retratando como um “não” pode ser libertador. Podem ser até um certo tipo de felicidade, na verdade. Ela explica:) “sonhos (im)possíveis a gente fica numa ansiedade de realizar sonhos impossíveis e de ficar idealizando coisas inatingíveis pra vida é sempre bom ter a pontinha de esperança que uma coisa vai dar certo e tal mas se não dá…

Continue lendo

05_Magna_Waste-Land-HIGH

Crônica otimista para um Brasil feliz

por Fred Di Giacomo “O barbeiro sérvio está mal-humorado. Sussurrando, ele xinga o cliente alemão que não quis mudar de cadeira para ter seu cabelo aparado. Eu sou o próximo da fila. Como fui incompetente o suficiente para não aprender um alemão decente neste quase ano de estadia em Berlim, explico como quero o corte em inglês. Ele assente secamente e começa a trabalhar como faziam os barbeiros da minha Penápolis natal: não importa o que…

Continue lendo

Shibam-vale-de-Hadramout-2

Como o futebol deixa as pessoas mais felizes

Por Karin Hueck O alemão não é um povo que demonstra felicidade com facilidade. Uma vez, logo quando cheguei aqui, encontrei a carteira de um rapaz num bar, logo depois que ele havia ido embora. Peguei-a e saí correndo atrás dele para devolvê-la. Toda esbaforida entreguei a carteira para ele, que me olhou sério, acenou bem leve com a cabeça e disse: “obrigado”. Saí da experiência com raiva – como assim não ganhei nenhum sorriso?…

Continue lendo

trp_feetfirst_092__MG_6053-Edit

Viajo porque gosto, volto porque te amo

Por Karin Hueck Desde que o ser humano é humano, ele viaja. Saímos ainda hominídeos da África para viver nas geleiras dos polos e na inospitez das florestas tropicais. Topamos enfrentar a distância, os caminhos tortuosos, a saudade e os banheiros de aspecto duvidoso para conhecer os confins do mundo. Eu mesma só estou aqui porque em algum momento do passado minha avó, aos dezoito anos, decidiu deixar a aldeia de 300 pessoas em que…

Continue lendo

Ilustracão de Vincent Mahe.

Por que invejamos a felicidade alheia?

por Fred Di Giacomo O brasileiro nunca esbanjou tanto. Seja o garoto da quebrada cantando o funk ostentação vestindo Oakley e Lacoste, sejam os novos ricos que fazem seu enxoval em Miami e gastam os tubos em festas caríssimas em Nova York, sejam os jovens da geração Y largando tudo para dar a volta ao mundo e espalhando suas fotos pelo Facebook e Instagram. Em um universo recheado de redes sociais, o “esbanjamento” alheio está…

Continue lendo

Foto de Claudia Martini

Ao mestre com espinhos

por Fred Di Giacomo “Quando seu pai sai de noite pra trabalhar, eu fico com medo”. Meu pai não é policial, carcereiro ou bombeiro. Mas todos os dias trabalha em um lugar trancado por cadeados, com grades nas janelas e marcado por violência. Esse lugar é uma escola estadual e meu pai é professor de história. Minha mãe tem medo porque meu pai já foi ameaçado, xingado e agredido. Ele é mais um dos milhares…

Continue lendo

7465428264_d0bf0f3a9b_b

Sim

Por Karin Hueck A história que mais gosto de contar na vida é a de como John Lennon e Yoko Ono se conheceram. Não me lembro mais onde li – provavelmente nesta biografia do beatle – mas era mais ou menos assim. Certa vez, John resolveu visitar uma exposição com as obras de Yoko, que ainda não era muito conhecida. Entrou e não gostou de nada do que viu – achou que o lugar estava…

Continue lendo

Posts mais antigos